Blog do Gutemberg Gomes

DE AMIGO PRÁ AMIGO: DIGA ALÔ COMIGO!!!

O FILME DE TERROR MAIS REPULSIVO DE TODOS OS TEMPOS!!!

with 4 comments

RECENTEMENTE comentei aqui sobre um filme chamado ´´Scanners: Sua mente pode destruir´´ de 1981. Era uma lembrança muito nítida do filme e, acima de tudo, do cartaz que o anunciava na portaria do cinema. Agora, existe um outro que talvez ninguém lembre e que pode perfeitamente receber o título de ´´ O filme de Terror mais repulsivo de todos os tempos´´! Você tem alguma lembrança de um filme em que somente uma minoria mais mórbida consegue ver até o final? Eu vi e saí com náuseas em um daqueles cinemas de rua quando eu morava em Juiz de Fora. (Foi uma época meio neurótica da minha vida em que eu via uma média de 3 filmes por dia e aí, valia tudo, mas tudo mesmo – até os ´´educativos´´ do Cine São Luís !!!).  É o que acontece com esse filme chamado ´´CANIBAL HOLOCAUSTO´´,  realizado em 1979.

O tema do canibalismo havia gerado um série de filmes devido ao incidente conhecido primeiro como o ´´Milagre do Natal´´, em que um avião da Força Aérea do Uruguai caiu na Cordilheira dos Andes durante uma tempestade com 45 pessoas a bordo. Os sobreviventes resistiram por 69 dias derretendo neve para beber e comendo a carne dos tripulantes mortos após a queda do avião. Quando esse fato veio à tona, o ´´milagre de natal´´ deu lugar ao debate sobre a antropofagia ou canibalismo.

É claro que você morreu de medo assistindo ´´Bruxa de Blair´´. E esse Canibal Holocausto de certa forma, é um precursor da ´´Bruxa´´. É a mistura de ficção e realidade elevada à sua potência máxima. Uns executivos calhordas decidindo se os espectadores seriam ou não capazes de assistir cenas ´´reais´´ de canibalismo, tortura, violência extrema e até uma cena surreal de empalamento. cannibal-holocaust-impalement Digo surreal, porque é real demais pra ser ficção.

Esses bonitões aí, filmando a cena do empalamento são os ´´exploradores´´ que  vão fazendo tantas barbaridades, matando cruelmente animais, tocando fogo em aldeias, estuprando índias,  que quando eles caem nas mãos dos canibais, nem temos tanta pena assim deles. E essa mesma câmera na mão deles vai ser a que registrará o holocausto dos ´´civilizados´´ em plena Floresta Amazônica.  São cenas chocantes demais. E geraram até uma dúvida se seriam reais ou forjadas.

Não sei se existem cópias no Brasil, ou se o filme foi lançado em Dvd. Só sei que deve ser  evitado a todo custo por aqueles que tem estômago fraco.

Esse é o cartaz do FILME DE TERROR MAIS REPULSIVO DE TODOS OS TEMPOS!!! CannibalHolocaustPoster

Se você lembra ou também assistiu esse filme, comente aí qual foi a sua impressão. Agora se voc~e já viu um filme mais repulsivo do que este, não dê a dica que eu não quero nem ver…

Ps.: ´´Faces da Morte´´ não conta porque ali são cenas deliberadamente reais…

Anúncios

Written by Gutemberg Gomes

29/09/2009 às 15:14

Publicado em Uncategorized

Tagged with , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

4 Respostas

Subscribe to comments with RSS.

  1. pra mim é real até pelo que eu disse que misturaram filme e realidade que os videos realmente foram gravados e que tudo aconteceu de verdade e pelo que vi acho que é sim. assisti até o fim e não me deu nauseas achei a morte deles muito merecida, só me deu pena da india e da tartaruga mesmo de resto nada demais.

    mariana

    07/11/2009 at 18:06

  2. É bem possível que sejam algumas cenas reais, ou usando cadáveres, etc…pois naquela época o povo era MUITO LOUCO de tudo quanto é droga e faria qualquer coisa para aparecer num filme e fazer sucesso, até topar uma parada de morte real, essas coisas. Não duvido de nada, anos 70-80 era loucura total.

    Walter Ice

    17/11/2009 at 23:13

  3. Este filme realmente é chocante, olha que assisto filmes de terror e trash dês dos meus 5 anos, adoro faces da morte, mas este filme é muito real, tenho certeza que é real porque atuação dos indios e impossivel! Covardia demais com a tartaruga, detestei esta parte, os caras são muito loucos mesmo, as cenas são reais. Não é efeito especial. Gostaria de saber se alguem tem este filme em VHS? E vamos trocar ideia sobre o filme me envie e-mail

    ANDRÉ PHILLIP SERRA GONÇALVES DIAS

    26/03/2010 at 14:23

  4. Peguei isso de um blog achei muito interesante

    Quando fiquei sabendo sobre o que era Cannibal Holocaust, confesso que fiquei meio apreensivo em assistí-lo, principalmente porque é considerado um exploitation film(falarei mais desse “gênero” em um post, mas é mais ou menos algo como “filmes que parecem/são de baixo orçamento explorando violência/sexo ou algo pra chamar a atenção do público”), e esse tipo de filme sempre tem cenas fortes.

    Mesmo sendo exploitation, decidi ler mais sobre o filme, e aí a coisa pareceu ficar pior.

    Depois que Ruggero Deodato – diretor do filme – terminou o mesmo, obviamente teve sua sessão de estréia. Os problemas começaram logo na estréia. Apesar de um certo sucesso de público, muitos críticos e pessoas que assistiram acharam que o filme era de fato um Snuff Film, ou seja, um filme que mostra a morte real de pessoas sem ajuda de efeitos especiais, com objetivo de “entretenimento”. Muitos acreditaram que várias das mortes mostradas no filme eram reais, sendo que 10 dias depois do lançamento o filme foi confiscado e Deodato foi preso, acusado de ter matado atores no filme. Obviamente que snuff films estão mais pra lenda urbana do que qualquer coisa, mas Ruggero sofreu um pouco pra provar inocência.

    Pra piorar um pouco a situação de Deodato, ele havia assinado com os atores do filme um contrato em que os mesmos não poderiam aparecer em tipo algum de mídia, filmes ou comerciais por um ano após o lançamento do filme.

    No fim, pra não ser preso, Deodato teve que romper o contrato e contactar os atores. E teve que fazer mais. Teve que ir em um show de TV mostrar como foi feita a cena de empalamento de uma das atrizes do filme(basicamente ela sentava em uma bicicleta e colocou um pedaço de madeira na boca).

    Toda essa história envolvendo o filme traz um certo “medo” de assistí-lo na primeira vez, mas digo agora que acredito ser bem possível que Deodato tivesse de certa maneira planejado essa repercussão(inclusive por causa do contrato assinado com os atores).

    Mas essa repercussão toda não me convenceu a não assistir ao filme. De fato, meio que me deu vontade de vê-lo, uma vez que as coisas estavam parecendo mais armação do que realidade. Só que ainda havia um ponto que eu realmente considero ofensivo no filme, e é um dos motivos porque ele ainda é banido de uns 50 países: a morte de animais.

    Querendo ou não, a morte de animais no filme é real. Uma tartaruga marinha, um quati, 2 macacos e um porco morreram nas cenas(além de uma cobra e uma aranha). Isso é repugnante mesmo, e não assista ao filme se não quiser ver essas mortes.

    Só que decidi assistí-lo, apesar de tudo.

    O filme é sobre um grupo de jovens que fazem filmes/documentários, e que decidem fazer um na Amazônia. A bem da verdade, são duas partes: a primeira é um grupo indo pra Amazônia pra descobrir o que aconteceu com o grupo de jovens, e a segunda parte seria a exibição do filme feito pelo grupo de jovens na Amazônia(somente o filme foi encontrado na floresta, alguém lembrou da Bruxa de Blair aí?).

    Na primeira parte a expedição sai buscando os jovens perdidos, e já encontra alguns rituais de índios da região. Dá uma certa tensão, pois eles sabem que há uma tribo canibal na região. Mas a coisa fica mais forte na segunda parte mesmo.

    Na segunda parte vemos estupro, sexo, violência e canibalismo de fato. Inclusive o grande Sergio Leone(isso, aquele Sergio Leone, diretor de vários filmes de faroeste com Clint Eastwood), escreveu uma carta pra Deodato sobre a segunda parte do filme dizendo mais ou menos: “Prezado Ruggero, que filme! A segunda parte é uma obra de arte do realismo cinematográfico, mas tudo parece tão real que eu acho que você terá problemas com todo o mundo.”

    Minha opinião? Acho que o mundo atual está tão mais violento que o mundo da década de 80, que eu não achei o filme tão forte assim. De fato, quem assiste Jogos Mortais nem acha as mortes do filme tão violentas. A história é razoável, e digamos que os jovens mereceram o que tiveram(como pode ser visto na segunda parte).

    A conclusão ao final do filme foi que estamos nos acostumando demais com a violência, a ponto de algo mais violento virar blockbuster hoje em dia, quando outrora um nem tão violento era proibido de ser exibido. Evolução?

    No fim, o filme nem é tanto sobre canibais malvados, é de terror mas pros padrões atuais pode ser assistido sem medo(pra quem gosta de terror, obviamente). Só a morte real dos animais é o que realmente torna o filme proibitivo.

    jorge

    04/04/2010 at 08:41


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: